[1]
L. A. da Silva, “Ecos emergentes do Cerrado brasileiro: Notas sobre a Colonização Cultural e o Pensamento Folkcomunicacional do/no interior de Mato Grosso”, RCCS, vol. 3, nº 1, dez. 2016.