[1]
A. G. dos Santos, “ENTRE ECOS E OCOS VIVER É MUITO PERIGOSO BETWEEN ECHOES AND HOLLOW LIVE IS VERY DANGEROUS”, ECOS, vol. 20, nº 1, out. 2016.