[1]
B. B. ALVES e E. R. T. DENARDIN, “A VARIAÇÃO LINGUÍSTICA E A SALA DE AULA: UM PROCESSO DE DESCONSTRUÇÃO DE CONCEITOS E PRECONCEITOS ESTABELECIDOS”, RELVA, vol. 6, nº 1, p. 61–71, jul. 2019.