ESCRITA DOS CORPOS E CORPO DA ESCRITA: UMA LEITURA ECOFEMINISTA DE IMAGINAR O POETIZADO, DE SÓNIA SULTUANE/WRITING FROM THE BODIES AND BODY OF WRITING: AN ECOFEMINIST READING TO IMAGINAR O POETIZADO, BY SÓNIA SULTUANE

Autores

  • Joranaide Alves Ramos (IFBA/UFPB) IFBA, Campus Paulo Afonso
  • Savio Roberto Fonseca de Freitas (UFPB) UFPB (Campus I)

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a erotização dos corpos femininos em Imaginar o poetizado (2006), de Sónia Sultuane (1971), à luz da crítica feminista, com especial atenção às relações entre literatura e meio ambiente, mostrando que a referida escritora constrói uma voz poética ecofeminista voltada para representações da natureza no sentido de propagar um humanitarismo no feminino atento às relações ecológicas, necessárias para um mundo equânime. Para tanto, desenvolvemos um estudo exploratório, bibliográfico e qualitativo, fundamentado, entre outros, em Brandão (2003), Freitas (2019), Guatuarri (2012), Soares (2005), Mies e Shiva (1993). Identificamos escrita e corpos femininos erotizados que alteram representações tradicionais requeridas pelas sociedades falocêntricas, como a moçambicana, embora, sejam algumas inscrições essencialistas, fato que comprova que os sistemas que oprimem as mulheres, sua subjetividade e sua sociabilidade estão, ainda, muito arraigados e continuam aprisionando mulheres, das mais diversas formas.

Biografia do Autor

Joranaide Alves Ramos (IFBA/UFPB), IFBA, Campus Paulo Afonso

Doutoranda em Letras – PPGL (UFPB); Mestra em Estudos Literários – PPGLL (UFAL); Docente do Centro Universitário do Rio São Francisco – UniRios; Docente substituta do IFBA, Campus Paulo Afonso.

Savio Roberto Fonseca de Freitas (UFPB), UFPB (Campus I)

Doutor em Letras pela UFPB. Professor de Literaturas de Língua Portuguesa do Departamento de Letras do CCAE-UFPB (Campus IV) e do Programa de Pós-Graduação em Letras do CCHLA-UFPB (Campus I). Líder do Grupo de Pesquisa MOZA (Moçambique e Africanidades), cadastrado no CNPq e certificado pela UFPB.

Referências

BATAILLE, Georges. O erotismo. 1.ed. Belo Horizonte. Autêntica Editora, 2014.

BRANDÃO, Izabel. Ecofeminismo e literatura: novas fronteiras críticas. In: _____; MUZART, Zahidé. Refazendo nós. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2003. p.462

CASTELLO BRANCO, Lúcia. O que é erotismo. Brasiliense, 1984.

FREITAS, Sávio Roberto Fonseca de. Sob o comando de uma lua submissa: A poesia moçambicana de Sónia Sultuane. In: BRANDÃO, Izabel; LOURENÇO, Laureny. Literatura e Ecologia: trilhando novos caminhos críticos. Maceió: EDUFAL, 2019. 101-116.

_____. FREITAS, Sávio Roberto Fonseca de. Moçambique no feminino: As dimensões poéticas do corpo na poesia de Sónia Sultuane. In: Mulemba, 2019. Disponível em: <https://revistas.ufrj.br/index.php/mulemba/about>. Acesso em 08/01/2021.

GUATTARI, Félix. As três ecologias. 21 ed. Campinas, SP: Papirus, 2012.

MIES, Maria; SHIVA, Vandana. Ecofeminismo. Lisboa: Instituto Piaget, 1993.

SILVEIRA, Ana Patrícia Frederico. Ficção curta de autoria feminina paraibana: Análise da casa, do corpo e do patriarcado em Quatro Luas. 2020. 221f. Tese. (Doutorado em Letras) - Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes – Universidade Federal da Paraíba – UFPB.

SOARES, Angélica. Poesia e Erotismo: um leitura ecofeminista In: Recorte – Revista eletrônica de Letras. Universidade Vale do Rio Verde, 2005. Disponível em: <http://periodicos.unincor.br/index.php/recorte/article/view/2141>. Acesso em 30/06/21.

SULTUANE, Sónia. Imaginar o poetizado. Maputo: Ndjira, 2006.

Downloads

Publicado

04/09/2021

Como Citar

Ramos (IFBA/UFPB), J. A., & Freitas (UFPB), S. R. F. de. (2021). ESCRITA DOS CORPOS E CORPO DA ESCRITA: UMA LEITURA ECOFEMINISTA DE IMAGINAR O POETIZADO, DE SÓNIA SULTUANE/WRITING FROM THE BODIES AND BODY OF WRITING: AN ECOFEMINIST READING TO IMAGINAR O POETIZADO, BY SÓNIA SULTUANE. Revista Athena, 20(1). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/athena/article/view/5787

Edição

Seção

ARTIGOS/ ENSAIOS