LITERATURA, INSULARIDADE E EMIGRAÇÃO EM CABO VERDE/LITERATURE, INSULARITY AND EMIGRATION IN CAPE VERDE

Autores

  • Geni Mendes de Brito (UFRN) Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Resumo

Em “Literatura, Insularidade e emigração em Cabo Verde” veremos que a produção científica sobre a temática da insularidade é objeto de escrita muito recorrente na literatura. Suas representações são múltiplas em narrativas ficcionais: espaço de isolamento e reconstrução; um lugar acolhedor e materno de sobrevivência ou um lugar de perda, inóspito e prisional, tornando a insularidade um tema nodular na literatura. Propomo-nos neste artigo, analisar a questão da insularidade no arquipélago de Cabo Verde, assim como encontrar os elementos ligados ao fator de distanciamento físico entre as ilhas e as implicações que resulta na intensa emigração do cabo verdiano para a “terra longe” uma das expressivas características desse povo insular. Em geral, as ilhas ocupam um lugar de destaque na imaginação geográfica, são locais com uma poética especial, como dizia Gaston Bachelard (1957), e isso explica que circulem na sociedade tantos pressupostos e ideias feitas a respeito da insularidade. No entanto, o espaço da ilha não está presente apenas em histórias de aventura.  Qualquer que seja a abordagem sobre Cabo Verde e a insularidade, ela sempre segue essa interação primordial entre o ilhéu e seu espaço, que participa da formação de sua identidade, seja positiva ou negativa, simbolicamente ou comportamentalmente.

Biografia do Autor

Geni Mendes de Brito (UFRN), Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Doutora em Estudos da Linguagem pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte-(UFRN). 

Referências

BACHELARD, Gaston. La Poétique de L’espace. Paris: PUF, 1957.

BARBOSA, Jorge. Poema do Mar. In: Ambiente. Poemas. 1ª ed. 1941.

BONNIOL Jean-Luc. Le métier à métisser, In: Tropiques métisses: Mémoires et Cultures de Guadalupe, Guyane, Martinique, Réunion. Paris: Éditions e la Réunion des musées nationaux, 1998.

CARREIRA, Antônio, Cabo Verde: Formação e extinção de uma sociedade escravocrata (1460-1878). 2ª ed. Praia: Instituto Cabo-verdiano do Livro, 1983.

CASTRO, Henrique. Território e Identidade. O desmantelamento da terra africana e a construção de Angola colonial (c.1872-c-1926). Lisboa: Centro de História da Universidade de Lisboa, p. 100, 2004.

CRISTÓVÃO, Fernando (Org.). Dicionário Temático da Lusofonia. Lisboa: Textos Editores. p. 975, 2005.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. O que é a Filosofia? Lisboa: Presença, 1992.

DELGADO, Carlos Alberto. Crioulos de Base Portuguesa como factores de identidades em África: O caso de Cabo Verde. (Tese de Doutorado). Universidade da Beira Interior, Covilhã, 2009.

DICIONÁRIO DA LÍNGUA PORTUGUESA. Porto: Porto-Editora, 2015.

DOS SANTOS, Luciano. As identidades culturais: proposições conceituais e teóricas. Revista Rascunhos Culturais. v. 2, n. 4, dez. 2011.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Mini Aurélio: O Dicionário da Língua Portuguesa, 8ª Edição. Curitiba: Positivo, 2010.

FERREIRA, Manuel, Terra Trazida. Lisboa. Plátano, 1972.

FURTADO, Cláudio. Dilemas étnico-identitários num território fluido. In: Revista Ciências Sociais - Unisinos. São Leopoldo. v. 49, n. 1. abr. 2013.

HENRIQUES, E. Distância e Conexão. Insularidade, relações culturais e sentido de lugar no espaço da Macaronésia. Angra do Heroísmo. Instituto Açoriano de Cultura e Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa, p.174, 2009.

LABAN, Michel. Revolta e resignação na ficção de dois escritores claridosos: Baltasar Lopes e Manuel Lopes. In: Simpósio Internacional sobre Cultura e Literatura Cabo-verdiana. Ministério da Cultura. Mindelo, 1986.

LOPES, Carla Suzana Silva. Mulheres Imigrantes em Portugal: Vivências e Percursos Migratórios das Mães Solteiras Cabo-Verdianas. (Dissertação de Mestrado do Curso de Sociologia) Universidade da Beira Interior: Covilhã, 2011.

LOPES FILHO, João. Mestiçagem, emigração e mudança em Cabo Verde. In: África: Revista do Centro de Estudos Africanos. São Paulo: USP, 2010.

OLIVEIRA JÚNIOR, José Leite de. Imagens Poético-Pictóricas da Emigração em Cabo Verde. Graphos, João Pessoa, v. 12, n. 2, p.151-160, dez. 2010.

PITA, André Laender. A insularidade cabo-verdiana além da questão geográfica e a emigração como consequência representada na arte. In: Conjuntura Internacional, v. 14, n.1, abr. 2017.

QUERIDO, Jorge Ferreira. Um Demorado Olhar sobre Cabo Verde: o país, sua génese, seu percurso, suas certezas e ambiguidades. Lisboa: Chiado Editora. 2011.

RAMOS, Manuel A. Conflitos de Identidade em Cabo Verde: análises dos casos de Santiago e São Vicente. (Dissertação de Mestrado em Estudos Africanos) Universidade do Porto, Porto, 2009.

ROBERT, MICRO. Dictionnaire du Français Primordial. S.N.L. Le Robert. 1971.

SAINT-MAURICE, A. Identidades reconstituídas: cabo-verdianos em Portugal. Oeiras: Celta Editora, 1997.

SALGADO, Maria Teresa. O conto cabo-verdiano hoje: narração, memória e ironia. In: Scripta, Belo Horizonte, v. 13, n. 25, p. 163-171, 2º sem. 2009.

SALÚSTIO, Dina: Cabo Verde tem duas línguas - o crioulo e a língua portuguesa. In: A Condição de Ilhéu. Coleção Estudos e Documentos - 22. Universidade Católica Portuguesa, p. 21, 2017.

_________. Insularidade na Literatura Cabo-Verdiana. In: VEIGA, Manuel (org.). Cabo-Verde. Insularidade e Literatura. Paris: Éditions Karthala, 1998.

SANTOS, Elsa Rodrigues dos. As máscaras poéticas de Jorge Barbosa e a mundividência cabo-verdiana. Lisboa: Editorial Caminho, 1989.

SEIBERTH, Gerhard. Crioulização em Cabo Verde e São Tomé e Príncipe: divergências históricas e identitárias. In: Revista Afro-Ásia, 49, 2014.

SEMEDO, José Maria. A Especificidade de um Estado Insular e diasporizado. Estado Nação e os desafios da integração regional: o caso de Cabo Verde. Disponível em: <http://portal.unesco.org/shs/fr/files/10991/11840743421j_semedo.pdf/j_semedo.pdf>. Acesso em: 12 de maio de 2016.

SPÍNOLA, Danny. Evocações. Volume I: Uma coletânea de textos apontamentos reportagens e entrevistas à volta da cultura cabo-verdiana. Instituto da Biblioteca Nacional e do Livro. “Estudos e Ensaios”. 2004.

VEIGA, Manuel, Cabo Verde: Insularidade e Literatura. Paris: Karthala, 1998.

Downloads

Publicado

04/09/2021

Como Citar

Brito (UFRN), G. M. de. (2021). LITERATURA, INSULARIDADE E EMIGRAÇÃO EM CABO VERDE/LITERATURE, INSULARITY AND EMIGRATION IN CAPE VERDE. Revista Athena, 20(1). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/athena/article/view/5789

Edição

Seção

ARTIGOS/ ENSAIOS