Conteúdo de água e degradação física em Latossolos cultivados com milho

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5327/rcaa.v15i1.1572

Palavras-chave:

Proctor normal. Densidade relativa. Tráfego de máquinas

Resumo

Para que o solo se mantenha como recurso natural sustentável, as práticas agrícolas mecanizadas devem ocorrer em conteúdo de água adequado para evitar deformações não recuperáveis. Dessa forma, objetivou-se com este estudo avaliar a suscetibilidade à compactação sob diferentes pressões induzidas por tratores em um Latossolo Vermelho Distrófico (LVd) e em um Latossolo Vermelho Eutroférrico (LVef), e correlacioná-la com a produtividade do milho. Os tratamentos foram: T0= sem compactação; T1, T2 e T3= uma passada de um trator de 4, 7 e 10 t, respectivamente, e T4= três passadas do trator de 10 t. Foram determinadas a densidade máxima do solo (Dsmáx), a umidade crítica de compactação (Ugc), a densidade relativa do solo (Dr) e a porosidade do solo. A Dsmáx e a Ugc oscilaram de 1,84 a 1,87 Mg m-3 e de 0,13 a 0,15 kg kg-1 para o LVd e 1,58 a 1,66 Mg m-3 e 0,22 a 0,26 kg kg-1 no LVef, respectivamente. O menor teor de matéria orgânica (MO) associado à granulometria do LVd aumentou a Dsmáx e reduziu a Ugc.  A maior Ugc no LVef, conferiu menor capacidade de compactação ou maior intervalo para realização das operações motomecanizadas.  A Dr ótima foi de 0,80 e 0,88, para o LVd e LVef, respectivamente, embora o preparo convencional e os diferentes sistemas de compactação induzida por tratores tenham apresentado comportamento diferente para a produtividade de milho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karina de Vares Rossetti, UNESP/FCAV

Departamento: Solos e Adubos

Área: Física e manejo do solo

José Frederico Centurion, UNESP/FCAV

Departamento: Solos e Adubos

Área: Física e manejo do solo

Referências

ALMEIDA, C.X.; JORGE, R.F.; CENTURION, J.F.; BORGES, E.N.; ROSSETTI, K.V.; PEREIRA, F.S. Qualidade física de um Latossolo Vermelho, sob sistema de semeadura direta e cultivo convencional. Bioscience Journal, Uberlândia, v.30, n.5, p.1395-1411, 2014.

ÁLVAREZ, C.R.; MICUCCI, F.G.; BUSTINGORRI, C.; TABOADA, M.A. Pedotransfer functions to estimate proctor test parameters under different tillage systems. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.34, n.6, p.1787-1793, 2010. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-06832010000600002.

BEUTLER, A.N.; CENTURION, J.F.; ROQUE, C.G.; FERRAZ, M.V. Densidade relativa ótima de Latossolos Vermelhos para a produtividade de soja. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.29, n.6, p.843-849, 2005. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-06832005000600002.

BONINI, A.K.; SECCO, D.; SANTOS, R.F.; REINERT, D.J.; REICHERT, J.M. Atributos físico-hídricos e produtividade de trigo em um Latossolo sob estados de compactação. Ciência Rural, Santa Maria, v.41, n.9, p.1543-1548, 2011. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0103-84782011005000122.

BRAIDA, J.A.; REICHERT, J.M.; VEIGA, M.; REINERT, D.J. Resíduos vegetais na superfície e carbono orgânico do solo e suas relações com a densidade máxima obtida no ensaio de Proctor. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.30, n.4, p.605-614, 2006. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-06832006000400001.

CORTEZ, L.A. Subsolagem em profundidade variada com base no mapeamento de áreas de manejo específico. Jaboticabal-SP: Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, 2013. 57p. Dissertação (Mestrado em Agronomia), Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, 2013.

EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisas de Solos. Manual de métodos de análises de solo. 2 edição revista. Rio de Janeiro: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, 2011. 230 p. Disponível em: http://www.cnps.embrapa.br/publicacoes/. Acesso em: 01 set. 2015.

EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisas de Solos. Sistema brasileiro de classificação de solos. 3 edição. Rio de Janeiro: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, 2013. 353 p.

KLEIN, V. A. Física do solo. 2 edição. Passo Fundo: Universidade de Passo Fundo, 2012. 212 p.

LUCIANO, R.V.; ALBUQUERQUE, J.A.; COSTA, A.; BATISTELLA, B.; WARMLING, M.T. Atributos físicos relacionados à compactação de solos sob vegetação nativa em região de altitude no sul do Brasil. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.36, n.6, p.1733-1744, 2012. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-06832012000600007.

MARASCA, I.; LEMOS, S.V.; SILVA, R.B.; GUERRA, S.P.S.; LANÇAS, K.P. Soil compaction curve of an Oxisol under sugarcane planted after in-row deep tillage. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.39, n.5, p. 1490-1497, 2015. DOI: dx.doi.org/10.1590/01000683rbcs20140559.

MARCOLIN, C.D.; KLEIN, A.V. Determinação da densidade relativa do solo por uma função de pedotransferência para a densidade do solo máxima. Acta Scientiarum Agronomy, Maringá, v. 33, n.2, p.349-354, 2011. DOI: dx.doi.org/10.4025/actasciagron.v33i2.6120.

MUNARETO, J.D.; BEUTLER, A.N.; RAMÃO, C.J.; DIAS, N.P.; RAMOS, P.V.; POZZEBON, B. C.; ALBERTO, C.M.; HERNANDES, G.C. Propriedades físicas do solo e produtividade de arroz irrigado por inundação no sistema plantio direto. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v.45, n.12, p.1499-1506, 2010. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-204X2010001200022.

ORTIGARA, C.; KOPPE, E.; LUZ, F.B. DA; BERTOLLO, A.M.; KAISER, D.R.; SILVA, V.R. da. Uso do físico- solo e propriedades mecânicas de Latossolo Vermelho. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.38, n.2, p. 619-626, 2014. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-06832014000200026.

RAIJ, B. VAN; ANDRADE, J.C.; CANTARELLA, H.; QUAGGIO, J.A. Análise química para avaliação da fertilidade de solos tropicais. Campinas: Instituto Agronômico, 2001. 285 p.

RODRIGUES, J.G.L.; FERNANDES, J.C.; NASCIMENTO, F.M.; GAMERO, C.A.; BICUDO, S. J. Caracterização física do solo e desempenho operacional de máquinas agrícolas na implantação da cultura do sorgo forrageiro. Semina: Ciências Agrárias, Londrina, v.32, n.4, p. 1813-1824, 2011. DOI: dx.doi.org 10.5433/1679-0359.2011v32Suplp1813.

ROSSETTI, K.V.; CENTURION, J.F. Ensaio de compactação em Latossolo cultivado com milho sob diferentes períodos de adoção de tipos de manejo. Revista Brasileira de Ciências Agrárias, Recife, v.10, n.4, p.499-505, 2015. DOI: dx.doi.org/10.5039/agraria.v10i4a5013.

ROSSETTI, K.V.; CENTURION, J.F.; OLIVEIRA, P.R. de; ANDRIOLI, I. Atributos físicos nos tempos de adoção de manejos em Latossolo cultivado com soja. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.36, n.2, p.367-376, 2012. DOI: dx.doi.org/10.1590/S0100-06832012000200006.

SILVA, A.P.; TORMENA, C.A.; DIAS JÚNIOR, M.S.; IMHOFF, S.; KLEIN, V.A. Indicadores da qualidade física do solo. In: JONG VAN LIER, Q. (editor) Física do solo. Viçosa: Sociedade Brasileira de Ciência do Solo, 2010. cap.7, p.241-281.

SUZUKI, L.E.A.S.; REICHERT, J.M.; REINERT, J.M. Degree of compactness, soil physical properties and yield of soybean in six soils under no-tillage. Soil Research, Austrália, v.51, n.4, p.311-321, 2013. DOI: dx.doi.org/10.1071/SR12306.

Downloads

Publicado

2017-03-07

Como Citar

de Vares Rossetti, K., & Centurion, J. F. (2017). Conteúdo de água e degradação física em Latossolos cultivados com milho. Revista De Ciências Agro-Ambientais, 15(1). https://doi.org/10.5327/rcaa.v15i1.1572

Edição

Seção

Agronomia