POR UMA PROBLEMÁTICA DA SIGNIFICAÇÃO LINGUÍSTICA/THE ISSUE OF MEANING IN LINGUISTICS

Autores

  • Elisandra Benedita Szubris UNEMAT
  • Albano Dalla Pria UNEMAT

Resumo

Nosso objetivo neste trabalho foi problematizar a significação linguística consoante o ponto de vista operatório da linguagem. As definições de linguagem, línguas, significação e linguística pelas quais nos orientamos são aquelas formuladas pela Teoria das Operações Predicativas e Enunciativas. Subsidiaram nossos objetivos análises de unidades linguísticas tomadas, ao mesmo tempo, como formas empíricas e como marcadores de operações abstratas. Concluímos que a significação linguística é o resultado do encadeamento de determinações em cascata.

 PALAVRAS-CHAVE: Significação; Linguística; Operatório; Invisível; Invariante.

 

Biografia do Autor

Elisandra Benedita Szubris, UNEMAT

Mestra em Linguística pela Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT). Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Linguística da UNEMAT/Cáceres.

Albano Dalla Pria, UNEMAT

Pós-doutorado em Linguística (Semântica) pela Universidade Nova de Lisboa. Doutor em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP/Araraquara. Docente da UNEMAT/Campus de Alto Araguaia e do Programa de Pós-graduação em Linguística da UNEMAT/Cáceres. Coordenador do Grupo de Pesquisa Variação e invariantes na linguagem (CNPq).

Referências

AUROUX, S. Hommage - Antoine Culioli (1924-2018). Histoire Epistémologie Langage, v. 40, n. 1, p. 3-6, 2018.

BARROS, M. de. Poesia completa. São Paulo: LeYa, 2013.

CULIOLI, A. A propos de la notion. In: GROUSSIER, M. L.; RIVIÈRE, C. (orgs.) La notion. Paris: Ophrys, 1997, p. 9-24.

CULIOLI, A. Pour une linguistique de l’énonciation. Opérations et répresentations. Tome 1. Paris: Ophrys, 1990.

CULIOLI, A. Pour une linguistique de l’énonciation. Tome IV. Tours et détours. Limoges: Lambert-Lucas, 2018.

CULIOLI, A. Representation, referential processes and regulation. Language activity as form production and recognition. In: MONTANGERO, J.; TRYPHON, A. (eds.) Language and cognition. Genebra: Foundation Archives Jean Piaget, 1989.

CULIOLI, A. The concept of notional domain. In: SEILER, H. (ed.) Language universals. Paper fron the conference held at Gummersbach/Cologne. Tu?bingen: Narr, 1978.

CULIOLI, A. Variations sur la linguistique. Entretiens avec Frédéric Fau. Paris: Klincksieck, 2002.

CULIOLI, A. Variations sur la rationalité. Cahiers de l’institut de linguistique et des sciences du langage (ILSL), número fora de série, 2015.

FRANCKEL, J.-J. Referência, referenciação e valores referenciais. In. De VOGU?E?, S.; FRANCKEL, J.-J.; PAILLARD, D. Linguagem e enunciação: representação, referenciação e regulação. São Paulo: Contexto, 2011. p. 31.55.

LIPOVETSKY, G. A era do vazio: ensaios sobre o individualismo contemporâneo. Barueri: Manole, 2005.

LYONS, J. Linguistic semantics: an introduction. Cambridge (UK): Cambridge University Press, 2002.

PRIA, A. A interação do verbo suporte DAR com os processos de construção da significação no português brasileiro. Delta, v. 35, n. 2, p. 1-22, 2019.

PRIA, A. D. A atividade de tradução e a articulação da invariância com a variação. In: PRIA, A.D; MORALIS, E.G; CARDOSO-CARVALHO. V.G; CARVALHO, G.A de. (Orgs.). Linguagem e Línguas. Invariância e Variação. Campinas: Pontes, 2014, p. 111-120.

PRIA, A. D. Especificidade linguística e não-linguística em articulação com a atividade de linguagem. Signo, v. 38, n. 64, p. 50-65, 2013.

PRIA, A. D.; CUMPRI, M. L.; KARIM, T. M. A identidade das formas linguísticas sob o ponto de vista das operações predicativas e enunciativas. Letrônica, v. 12, p. 1/32120-12, 2019.

REZENDE, L. M. A natureza dialógica da linguagem. Revista brasileira de letras, v. 1, n. 1, p. 45-47, 1999.

REZENDE, L. M. Articulação da linguagem com as línguas naturais: o conceito de noção. In: Blundi, Marília O.; Rezende, Letícia M. (Org.). Linguagem e línguas naturais: clivagem entre o enunciado e a enunciação. 1.ed. São Carlos: Pedro e João editores, 2009, v. 1, p. 13-42.

REZENDE, L. M. Léxico e gramática: aproximação de problemas linguísticos com educacionais. 2000. 330f. Tese (Livre-docência). - Faculdade de Ciências e Letras, UNESP, Araraquara, 2000.

SAUSSURE, F. de. Curso de linguística geral. ed. 32. São Paulo: Cultrix, 2010.

SCLIAR-CABRAL, L. Referência: qual a referência e como evocá-la? Delta, v. 18 n. especial, p. 57-85, 2002.

VIGNAUX, G. Le discours acteur du monde. Enonciation, argumentation et cognition. Paris: Ophrys, 1995.

Downloads

Publicado

02/01/2021

Como Citar

Szubris, E. B., & Pria, A. D. (2021). POR UMA PROBLEMÁTICA DA SIGNIFICAÇÃO LINGUÍSTICA/THE ISSUE OF MEANING IN LINGUISTICS. Revista ECOS, 29(2). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/ecos/article/view/5117

Edição

Seção

LINGUÍSTICA