A ERA ESPACIAL DE HELENA KOLODY: UMA CRÍTICA ROMÂNTICA DA TECNOLOGIA Gilson Leandro Queluz1 Período de recebimento dos textos: 01/02/2014 a 30/03/2014. Data de aceite: 30/04/2014. Resumo: Este texto pretende discutir as representações de tecnologia sugeri

Autores

  • Gilson Leandro Queluz

Resumo

Este texto pretende discutir as representações de tecnologia sugeridas no livro Era Espacial da poeta paranaense Helena Kolody, publicado em 1966.Procurou-se compreender sua crítica à tecnologia e ao processo de racionalização técnica das relações humanas, especialmente no decorrer da década de 60. Demonstraremos que esta crítica é expressão de uma romântica resistência ao desencantamento do mundo trazido pelo capitalismo. Apresentaremos algumas possibilidades de interpretação sobre as representações de tecnologia e da matéria na poesia de Helena Kolody, uma temática que, talvez, seja secundária em sua obra, porém, capaz de trazer novas formas de compreensão para as relações entre literatura e história, materialidade sígnica e materialidade histórica.

Referências

MARCUSE, Herbert. A Ideologia da Sociedade Industrial: O Homem Unidimensional. Rio de Janeiro:Zahar, 1973

MELO, Cristiano Fiorilo de & WINTER, Othon Cabo. A Era Espacialin: Othon Cabo Winter& Antônio Fernando Bertachini de Almeida Prado. A conquista do Espaço. São Paulo: Livraria da Física, 2007.

BURKE, Peter.O Que é História Cultural. Rio de Janeiro: Zahar, 2005, p. 84CHARTIER, Roger. O Mundo como representação, Estudos. Avançados. Vol.5 no.11 São Paulo Jan./Apr. 1991

CHALHOUB, Sidney PEREIRA, Leonardo Affonso de M. Pereira (orgs.). A História Contada. Nova Fronteira:Rio de Janeiro, 1998

CHAUÍ, Marilena & FRANCO, Maria Sylvia Carvalho, Ideologia e Mobilização Popular. Rio de Janeiro: Paz e Terra:CEDEC, 1978.

COSTA, Mário. O Sublime Tecnológico. São Paulo: Experimento, 1995, p. 20

COWAN, Ruth. A Social History of Technology. New York: Oxford University Press, 1997.

CRUZ, Antonio Donizete. Helena Kolody: A poesia da inquietação. Porto Alegre:PUCRS (dissertação de mestrado), 1993.

DICK, Steven J. and LAUNIUS, Roger D (orgs.) Societal Impact of Space Flight, Washington, DC: NASA, 2007.

FARACO, Carlos Alberto. Linguagem e Diálogo. Curitiba: Criar, 2003.

HOBSBAWM, Eric. A Era dos Extremos. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

KOLODY, Helena. Era Espacial.Curitiba:Editora do SENAI, 1966a

KOLODY, Helena. Trilha Sonora.Curitiba:Editora do SENAI, 1966 b

KOLODY, Helena. Helena Kolody. (organizado por Paulo Venturelli). Curitiba, UFPR, 1995

KOLODY, Helena. Infinita Sinfonia.(org.AdeliaWollner)Curitiba: Edição do Autor, 2011

LÖWY, Michel. Romantismo e Messianismo. São Paulo: Perspectiva: USP, 1990.

LÖWY, Michel & SAYRE, Robert. Romantismo e Política. São Paulo: Paz e Terra, 1993

MELO, Cristiano Fiorilo de & WINTER, Othon Cabo. A Era Espacialin: Othon Cabo Winter&Antônio Fernando Bertachini de Almeida Prado. A conquista do Espaço. São Paulo: Livraria da Física, 2007.

NYE, David E. NarrativesandSpaces: Technology andtheconstructionof American Culture.New York: Columbia University Press, 1997.

NYE, David. American Technological Sublime.Cambridge(Mass.): MIT Press, 1998

MATTOS, Olgária. Os arcanos do inteiramente outros; A Escola de Frankfurt, a melancolia e a revolução. São Paulo: Brasiliense, 1989.

THOMPSON, E, P. Costumes em Comum. São Paulo: Companhia das Letras, 2005

VENTURELLI, Paulo. Investimento no próprio tom in: KOLODY, Helena. Helena Kolody.(organizado por Paulo Venturelli). Curitiba, UFPR, 1995, p. 5-18.

VIZENTINI, Paulo G. Fagundes. Do nacional desenvolvimentismo à Política Externa Independente(1945-1964), In: FERREIRA, Jorge & DELGADO, Lucília de Almeida Neves. O Tempo da experiência democrática:da democratização de 1945 ao golpe civil-militar de 1964, Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008, pp. 195-216 MUMFORD, Lewis. Técnica y Civilización. Madrid: Alianza Editorial, 1982.

WILLIAMS, Raymond. Marxismo y Literatura.Buenos Aires: Las Cuarenta, 2009.

Downloads

Publicado

15/09/2014

Como Citar

Queluz, G. L. (2014). A ERA ESPACIAL DE HELENA KOLODY: UMA CRÍTICA ROMÂNTICA DA TECNOLOGIA Gilson Leandro Queluz1 Período de recebimento dos textos: 01/02/2014 a 30/03/2014. Data de aceite: 30/04/2014. Resumo: Este texto pretende discutir as representações de tecnologia sugeri. Revista ECOS, 16(1). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/ecos/article/view/53