A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES: POSSÍVEIS CONTRIBUIÇÕES DAS NARRATIVAS COMPARTILHADAS

Autores

  • Elenize Vieira Falcão

DOI:

https://doi.org/10.30681/relva.v7i2.4931

Resumo

Neste estudo refletimos sobre a maneira como as concepções de educação e de atuação, compartilhadas em sala de professores, contribuem para a formação docente. Temos por objetivo compreender teoricamente a importância, na formação continuada de professores, dos compartilhamentos entre pares. Ao analisarmos os temas que envolvem a profissão docente, adentramos em questões que se referem especificamente à identidade profissional. Durante minha participação na formação continuada de professores em uma escola na qual trabalhei, observei as narrativas de colegas sobre suas vivências e experiências como profissionais da educação. Ao refletir sobre aquelas narrativas, percebi a importância e a necessidade da formação continuada no âmbito escolar, por ser um momento de trocas de experiências que proporcionam reflexão sobre as práticas. Para refletir sobre a formação docente, partimos das seguintes questões: Como as concepções de educação e de atuação dos professores, compartilhadas em sala de professores, contribuem para a formação docente? Qual a importância, na formação continuada de professores, dos compartilhamentos entre pares? Como os compartilhamentos entre pares contribuem para reflexão e para a formação da identidade docente? Para responder a essas questões desenvolvemos uma pesquisa bibliográfica, tendo como foco os seguintes temas: Formação humana, Formação de Professores, Formação Continuada, Identidade docente e Narrativas de Si.

 

Palavras–chave: Formação de Professores. Formação Continuada. Identidade Docente. Relatos de Experiências.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Elenize Vieira Falcão
    Licenciada em Letras, Especialista em Metodologia do Ensino na Educação Superior pelo Centro Universitário Uninter, Mestranda pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado de Mato Grosso - UNEMAT,

Referências

CHARLOT, Bernard. Formação de professores: a pesquisa e a política educanional. In: PIMENTA, Selma Garrido; GHEDIN, Evandro (Orgs.). Professor Reflexivo no Brasil: Gênese e Crítica de um Conceito. 7ª ed. São Paulo: Cortez, 2012.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 25ª ed. São Paulo: Paz e Terra, 2002.

NÓVOA, António. Os Professores na Virada do Milênio: do excesso dos discursos à pobreza das práticas. Educ. Pesqui. [online]. 1999, vol.25, n.1, pp.11-20. DOI: https://doi.org/10.1590/S1517-97021999000100002

_______. O Regresso dos Professores. Conferência Desenvolvimento profissional de professores para a qualidade e para a equidade da Aprendizagem ao longo da Vida. Lisboa, 27 e 28 de set. de 2007. Disponível em: https://escoladosargacal.files.wordpress.com/2009/05/regressodosprofessoresantonionovoa.pdf. Acesso em: 26 nov. 2019.

PIMENTA, Selma Garrido. Professor reflexivo: construindo uma crítica. In: PIMENTA, Selma Garrido; GHEDIN, Evandro (Orgs.). Professor Reflexivo no Brasil: Gênese e Crítica de um Conceito. 7ª ed. São Paulo: Cortez, 2012.

SOUZA, Elizeu Clementino. A arte de contar e trocar experiências: reflexões teórico-metodológicas sobre história de vida em formação. Revista Educação em Questão, Natal, v. 25, n. 11, p. 22-39, jan./abr. 2006.

MACIEL, Maria Delourdes. Autoformação Docente: Limites E Possibilidades. Trabalho apresentado na 55ª Reunião Anual da SBPC, em Recife/PE, de 13 a 18 de julho de 2003.

Downloads

Publicado

2020-10-08

Edição

Seção

DOSSIÊ

Como Citar

A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES: POSSÍVEIS CONTRIBUIÇÕES DAS NARRATIVAS COMPARTILHADAS. (2020). Revista De Educação Do Vale Do Arinos - RELVA, 7(2), 36-47. https://doi.org/10.30681/relva.v7i2.4931