ANÁLISE DISCURSIVA DAS REPRESENTAÇÕES IMAGINÁRIAS EM LIVROS DIDÁTICOS PARA SÉRIES INICIAIS: FAMÍLIA, MULHER E ESCOLA/A DISCURSIVE ANALYSIS OF IMAGINARY REPRESENTATIONS IN TEXTBOOKS FOR INITIAL GRADES OF ELEMENTARY SCHOOL: FAMILY, SCHOOL AND WOMAN

Autores

  • Ilka de Oliveira Mota Universidade Federal de São Carlos
  • Elizabete Pereira dos Santos Universidade Federal de Rondônia

Resumo

Baseadas no escopo teórico-metodológico da Análise de Discurso de cunho materialista, este artigo busca compreender os modos de representação imaginária de três eixos bastante recorrentes no espaço discursivo de livros didáticos para as séries iniciais: família, escola e mulher. Trata-se de oito livros didáticos escolhidos (Geografia, Estudos Sociais, Ciência e Língua Portuguesa) para a presente pesquisa. A metade dos livros foi produzida na década de 90 do século XX e a outra, nos anos 2000. O objetivo consistiu em compreender os modos de representação da aludida tríade em ambos períodos de nossa história. Como resultado da análise empreendida, pode-se vislumbrar sentidos diferentes, nos distintos períodos dos livros, para a mulher e família. Em contrapartida, o sentido de escola, embora aparentemente diferente, traz em seu bojo a mesma lógica: higienização, disciplina e apagamento das diferenças.

Biografia do Autor

Ilka de Oliveira Mota, Universidade Federal de São Carlos

Mestre em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e Doutora em Linguística Aplicada pela mesma universidade. Foi professora da Universidade Federal de Rondônia, Campus de Ariquemes, entre o período de fevereiro de 2011 a janeiro de 2016. Atualmente é professora adjunto IV da Universidade Federal de São Carlos, lotada no Campus Lagoa do Sino. Faz parte do grupo de pesquisa Mulheres em Discurso, sob supervisão da Profa. Dra. Mónica Zoppi-Fontana (UNICAMP/IEL/DL).

Elizabete Pereira dos Santos, Universidade Federal de Rondônia

Graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Rondônia

Referências

AUROUX, S. A Revolução Tecnológica da Gramatização. Campinas: Editora da Unicamp, 1992.

CORACINI, M.J.F. e BERTOLDO, E. S. (Orgs). O desejo da teoria e da contingência da prática. Discurso sobre - na sala de aula de língua materna e língua estrangeira. Campinas, SP. Mercado de Letras, 2003.

FOUCAUT, M. Arqueologia do saber. Petrópolis, Lisboa: Centro do Livro Brasileiro, [1969] 1972.

MOTA, I. O. A comicidade no contexto linguístico escolar: quadrinhos de humor em livros didáticos de inglês como língua estrangeira. 2010. 258 p. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada), Instituto de Estudo da Linguagem (IEL), Universidade Estadual de Campinas, Campinas (SP), 2010.

ORLANDI, E. Análise de discurso: princípios e procedimentos. Campinas: Pontes, 1999.

PÊCHEUX, Michel. Semântica e discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Tradução Eni Orlandi. Campinas: UNICAMP, 1988.

RAMOS, R. C. G. “O livro didático de língua inglesa para o ensino fundamental e médio: papéis, avaliação e potencialidades”. In: O livro didático de língua estrangeira. Múltiplas perspectivas. Campinas: Ed. Mercado de Letras, 2009. P. 173-198.

SOUZA, D. M. “Autoridade, Autoria e Livro Didático”. In Maria José Rodrigues Faria Coracini (org.). Interpretação, Autoria e Legitimação do Livro Didático. 1º Ed. – Campinas, SP: Pontes, 1999, p. 27-31.

Referências bibliográficas referentes aos livros didáticos pesquisados

AZEVEDO, M. R. Viva vida: Estudos sociais. São Paulo: FTD, 1993.

BRAGANÇA, A. D.; CARPANEDA, I. P. M.; NASSUR, R. I. M. Porta de papel: Língua portuguesa. São Paulo: FTD, 1996.

BORGATTO, A. T., BERTIN, T.MARCHEZI, V. Letramento e Alfabetização. São Paulo: Ática, 2011.

MODERNA. Geografia 2º ANO. São Paulo: Editora Moderna, 2011.

MODERNA. Geografia 3º ANO. São Paulo: Editora Moderna, 2011.

NIGRO, R. G., CAMPOS, M. C. C. Ciências 2º ANO. São Paulo: Ática, 2014.

NIGRO, R. G., CAMPOS, M. C. C. Ciências 3º ANO. São Paulo: Ática, 2014.

ILVA, A. S.; BERTOLIN, R. A construção da linguagem. São Paulo: IBEP, 1996.

Downloads

Publicado

30/12/2018

Como Citar

Mota, I. de O., & Santos, E. P. dos. (2018). ANÁLISE DISCURSIVA DAS REPRESENTAÇÕES IMAGINÁRIAS EM LIVROS DIDÁTICOS PARA SÉRIES INICIAIS: FAMÍLIA, MULHER E ESCOLA/A DISCURSIVE ANALYSIS OF IMAGINARY REPRESENTATIONS IN TEXTBOOKS FOR INITIAL GRADES OF ELEMENTARY SCHOOL: FAMILY, SCHOOL AND WOMAN. Revista ECOS, 25(2). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/ecos/article/view/3323

Edição

Seção

LINGUÍSTICA/ LÍNGUA PORTUGUESA