IDENTIDADES NO ABISMO: EXISTÊNCIAS FRAGMENTADAS EM ORGIA DOS LOUCOS, DE UNGULANI BA KA KHOSA/IDENTITIES IN THE ABYSS: FRAGMENTED EXISTENCES IN ORGIA DOS LOUCOS, BY UNGULANI BA KA KHOSA

Autores

  • Vanessa Ribeiro Teixeira Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ

Palavras-chave:

Identidade. Alegoria. Ficção Moçambicana. Orgia dos Loucos. Ungulani Ba Ka Khosa.

Resumo

O presente trabalho propõe uma investigação dos processos de ficcionalização e releitura crítica da realidade moçambicana nos anos que se seguiram à Independência, desenvolvidos ao longo da urdidura de Orgia dos loucos. Dentre os nove contos aí publicados, vislumbramos identidades mergulhadas em processos de ruína. Três deles, nomeadamente “A solidão do Senhor Matias”, “Fragmentos de um diário” e o homônimo “Orgia dos loucos”, nos chamaram a atenção para uma alegorização da experiência de fragmentação identitária.  Entendemos que a organização dos contos no livro, dispostos exatamente nessa sequência, não é aleatória.

Biografia do Autor

Vanessa Ribeiro Teixeira, Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ

Professora doutora, Adjunta do Setor de Literaturas Africanas de Língua Portuguesa da Universidade Federal do Rio de Janeiro

Referências

BA KA KHOSA, Ungulani. Ualalapi. Lisboa: Caminho, 1990.

______. Orgia dos loucos. Maputo: AEMO, 1990.

BENJAMIN, Walter. Origens do drama barroco alemão. São Paulo: Brasiliense, 1984.

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

Downloads

Publicado

30/06/2022

Como Citar

Teixeira, V. R. . (2022). IDENTIDADES NO ABISMO: EXISTÊNCIAS FRAGMENTADAS EM ORGIA DOS LOUCOS, DE UNGULANI BA KA KHOSA/IDENTITIES IN THE ABYSS: FRAGMENTED EXISTENCES IN ORGIA DOS LOUCOS, BY UNGULANI BA KA KHOSA. Revista ECOS, 32(01), 91–102. Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/ecos/article/view/6381

Edição

Seção

LITERATURA