LITERATURA E ARTE NO (ENTRE) MEIO DA VIAGEM: UM ESTUDO DE VISCONDE DE TAUNAY

Autores

  • Olga Maria Castrillon Mendes Doutora em Teoria e História Literária pela Unicamp

Resumo

No entremeio da viagem o mundo se particulariza pelo olhar do viajante. Alfredo Taunay (Visconde de Taunay), constituindo-se viajante a partir da participação no conflito da Guerra da Tríplice Aliança (1864-1870), em Mato Grosso, constrói imagens que carregam a força-motriz do conjunto da sua vasta obra. Este artigo busca compreender as impressões captadas pelo olhar que são utilizadas como signos de uma arte representativa da identidade nacional.

Referências

CANDIDO, Antonio. Formação da literatura brasileira. 2. ed. Belo Horizonte-MG/ Rio

de Janeiro-RJ: Itatiaia, 1997.

CARVALHO, S. Carlos Gomes de. No distante oeste: a primeira crítica teatral em Mato

Grosso. Cuiabá: Verdepantanal, 2004.

DENIS, Ferdinand. Resumo da história literária do Brasil. In: Historiadores e críticos do

Romantismo. Rio de Janeiro: Ao livro técnico e cientifico/São Paulo: Ed. Usp, 1978.

DIENER, Pablo. El perfil del artista viajero en el siglo XIX. In: Viajeros europeos del siglo

XIX. Fomento Cultural Banamex. México, 1996 (63-85).

HUMBOLDT, A. v. Quadros da natureza. Trad. Assis Carvalho. Rio de Janeiro: W.M.

Jackson, 1964.

MENDONÇA, Rubens de. História da literatura mato-grossense. Cuiabá: Ed. do autor,

MIGLIACCIO, Luciano. Arte no século XIX. São Paulo: Associação Brasil 500 anos. Artes

visuais, 2000.

MOURA, Carlos Francisco. O teatro em Mato Grosso no século XVIII. Cuiabá: Ed. UFMT,

PINASSI, Maria Orlanda. Três devotos, uma fé, nenhum milagre: um estudo da Revista

Niterói, 1836. Tese (Doutorado). Campinas/IFCH/UNICAMP, 1996.

PRATT, Mary Louise. Os olhos do Império: relatos de viagem e transculturação. Bauru-SP:

Edusc, 1999.

SCHAMA, Simon. Paisagem e memória. Trad. Hildegard Feist. São Paulo: Companhia

das Letras, 1996.

SILVA, Agnaldo Rodrigues da. O teatro mato-grossense: história, crítica e textos. CáceresMT:

Ed. UNEMAT, 2010.

SOUZA, Iara Lis F. S. Carvalho. Das tramas do ver: Belmiro de Almeida. Dissertação

(Mestrado). Campinas/IFCH/UNICAMP, 1990.

STAROBINSKY, Jean. 1789: os emblemas da razão. Trad. Maria Lucia Machado. São Paulo:

Companhia das Letras, 1988.

SUSSEKIND, Flora. O Brasil não é longe daqui: o narrador, a viagem. São Paulo:

Companhia das Letras, 1990.

TAUNAY, Alfredo [1867]. Relatório Geral da Commissão de Engenheiros junto às forças

em expedição para a Provincia de Matto Grosso 1865-1866. Tomo XXXVII, parte 2. Rio

de Janeiro: B.L. Garnier, 1874.

TAUNAY, Alfredo [1868]. A retirada da Laguna. São Paulo: Companhia das Letras, 1997.

TAUNAY, Alfredo [1872]. Inocência. São Paulo: FTD, 1992.

TAUNAY, Alfredo. Memórias. São Paulo: Cia. Melhoramentos, 1948.

TIERNO, João Cayolla. Dicionário botânico. Lisboa: editor Jão Francisco Lopes, 1958.

Downloads

Publicado

21/07/2015

Como Citar

Mendes, O. M. C. (2015). LITERATURA E ARTE NO (ENTRE) MEIO DA VIAGEM: UM ESTUDO DE VISCONDE DE TAUNAY. Revista ECOS, 11(2). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/ecos/article/view/719