ENSINO DE SINTAXE – DA LÍNGUA AO DISCURSO – UM PERCURSO POSSÍVEL

Autores

  • Milena Borges Moraes Docente mestre da UNEMAT, do Campus de Tangará da Serra.

Resumo

O presente artigo teve como objetivo principal, a partir dos pressupostos-metodológicos da Análise de Discurso de orientação francesa, tecer uma leitura discursiva de dois exercícios de sintaxe retirados do livro didático “Português: língua, literatura, produção de texto”, destinado a alunos do Ensino Médio. Diante do estudo realizado, observamos que embora o livro didático esteja sendo avaliado por especialistas, antes de chegar para os professores escolherem nas escolas, há ainda um conceito de ensino de língua arraigado na estrutura e reconhecimento de nomenclaturas gramaticais por parte desses especialistas, e não pelo funcionamento da linguagem.

Referências

ALVES, Ieda Maria. Neologismo: criação lexical. 3. ed. São Paulo: Ática, 2007.

______.Glossário de termos neológicos da economia. São Paulo: HUMANNITIS/

USP, 1998.

CARVALHO, Nelly. Linguagem jornalística; aspectos inovadores. Recife: Secretaria

de Educação de Pernambuco - Associação de Imprensa de Pernambuco,

______. Empréstimos linguísticos na língua portuguesa. São Paulo: Cortez,

GUILBERT, Louis. La créativité lexicale. Paris: Larousse, 1975.

ISQUERDO, Aparecida Negri. & KRIEGER, Maria da Graça (org.) As ciências do

léxico: lexicologia, lexicografia, terminologia. Vol. II Campo Grande: UFMS, 2004.

JOTA, Zélio dos Santos. Dicionários de linguística. 2. ed. Rio de Janeiro : Presença:

INL, 1981.

MATORÉ, G. La méthode en lexicologie. 2. ed. Paris: Didier, 1972.

MEL’CUK, I. et al. Introduction à la lexicologie explicative et combinatore.

Louvain – la – neuve: Ducuhet, 1995.

MELO, P. A. G. de. A formação neológica em textos jornalísticos escritos em língua

portuguesa contemporânea no Estado de Alagoas na última década do século XX.

In: Littera online. Vol. 1, n. 2, 101-122, 2010.

SAUSSURE, Ferdinand de. Curso de linguítica geral. 3. ed. São Paulo: Cultrix,

SAVIANI, Dermeval. História das idéias pedagógicas no Brasil. São Paulo: Autores

Associados, 2007.

SILVA, José Pereira da. Gramática histórica da língua portuguesa. Rio de Janeiro:

Edição do Autor, 2010.

Downloads

Publicado

21/07/2015

Como Citar

Moraes, M. B. (2015). ENSINO DE SINTAXE – DA LÍNGUA AO DISCURSO – UM PERCURSO POSSÍVEL. Revista ECOS, 11(2). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/ecos/article/view/729

Edição

Seção

LINGUÍSTICA/ LÍNGUA PORTUGUESA