Depressão entre estudantes de cursos da área da saúde de uma universidade em Mato Grosso / Depression among students of health courses at a university in Mato Grosso / Depresión entre estudiantes de cursos del área de la salud de una universidad en...

Autores

  • Andressa Medrado Mesquita Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Campus Universitário do Araguaia (CUA).
  • Alisséia Guimarães Lemes Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem
  • Marcos Vítor Naves Carrijo Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem
  • Adaene Alves Machado de Moura Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem
  • Daniela Sanches Couto Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem
  • Elias Marcelino da Rocha Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem
  • Rosa Jacinto Volpato Universidade Federal de São Carlos, SP UFSCar

DOI:

https://doi.org/10.30681/25261010

Resumo

Objetivo: identificar a tendência depressiva entre acadêmicos dos cursos de saúde de uma universidade pública. Método: trata-se de um estudo transversal, descritivo com abordagem quantitativa, realizado no primeiro semestre de 2015 com 251 acadêmicos dos cursos de Biomedicina, Educação Física, Enfermagem e Farmácia da Universidade Federal de Mato Grosso em Barra do Garças-MT. O questionário utilizado foi autoaplicável (semiestruturado e Inventário de Depressão de Beck). Resultados: a faixa etária encontrada foi de 18 a 43 anos, 71% do gênero feminino e 83% solteiros. A tendência a depressão esteve presente em 41% dos universitários, sendo mais relevante no curso de enfermagem (55%). Considerações finais: os dados demonstraram elevada prevalência de depressão entre os universitários, despertando a necessidade de que seja desenvolvido ações preventivas e/ou de diagnóstico precoce da doença, visando o cuidado com a saúde mental dos universitários em busca de melhorar sua qualidade de vida.

Descritores: Depressão; Ensino Superior; Saúde Mental.

Biografia do Autor

Andressa Medrado Mesquita, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Campus Universitário do Araguaia (CUA).

Enfermeira. Membro do grupo de pesquisa e extensão em saúde mental da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Campus Universitário do Araguaia (CUA). Barra do Garças, MT, Brasil. E-mail: andressachuchu@hotmail.com.

Alisséia Guimarães Lemes, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem

Enfermeira, Doutoranda em enfermagem psiquiatrica pela EERP-USP, mestre em Imunologia e Parasitologia. Coordenadora do grupo de pesquisa e extensão em Saúde Mental da UFMT/CUA.

Professora Assistente na Universidade Federal de Mato Grosso, Campus Universitário do Araguaia em Barra do Garças, MT, Brasil.

E-mail: alisseia@hotmail.com.

Marcos Vítor Naves Carrijo, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem

Acadêmico de enfermagem. Bolsista de extensão do projeto "Saúde mental: os desafios da assistência" da UFMT/CUA. Barra do Garças, MT, Brasil.

E-mail: marcosvenf@gmail.com.

Adaene Alves Machado de Moura, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem

Acadêmica de enfermagem. Membro do grupo de pesquisa e extensão em saúde mental da UFMT/CUA. Barra do Garças, MT, Brasil. E-mail: adaene_moura@hotmail.com.

Daniela Sanches Couto, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem

Acadêmica de enfermagem. Membro do grupo de pesquisa e extensão em saúde mental da UFMT/CUA. Barra do Garças, MT, Brasil. E-mail: danicouto_2008@hotmail.com.

Elias Marcelino da Rocha, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) Campus Universitário do Araguaia (CUA) Curso de Enfermagem

Enfermeiro, Mestre em ciências da saúde. Colaborador no grupo de pesquisa e extensão em Saúde Mental da UFMT/CUA. Professor Assistente na Universidade Federal de de Mato Grosso, Campus Universitário do Araguaia. Barra do Garças, MT, Brasil. E-mail: elefamoso@hotmail.com.

Rosa Jacinto Volpato, Universidade Federal de São Carlos, SP UFSCar

Enfermeira, Mestranda em Enfermagem pela UFSCAR. Colaboradora no projeto de pesquisa e extensão em Saúde Mental. UFMT/CUA; Barra do Garças-MT, Brasil. E-mail: rosamjacinto@hotmail.com.

Referências

REFERÊNCIAS

Fonseca AA, Coutinho MPL, Azevedo RLW. Representações sociais da depressão em jovens universitários com e sem sintomas para desenvolver a depressão. Psicol. reflex. crit 2008; 21(3):492-8.

Almeida MASO, Lemes AG, Nascimento VF, Fonseca PIMN, Rocha EM, Liba YHAO et al. Fatores de risco associados à depressão em idosos no interior de Mato Grosso. Rev. baiana saúde pública. 2015; 39(3):627-41.

Camargo RM, Sousa CO, Oliveira MLC. Prevalência de casos de depressão em acadêmicos de enfermagem de uma instituição de ensino de Brasília. REME rev. min. enferm 2014; 18(2):392-403.

Coutinho FL. Evidências de validade de critério e convergente relacionada a outras variáveis da escala Baptista de depressão para idosos- (EBADEP-ID) [Dissertação]. Paraná: Universidade Federal do Paraná, 2013. 77p.

Carneiro AM, Baptista MN. Saúde geral e sintomas depressivos em universitários. Salud Soc 2012; 3(2)166-68.

Amaral GF, Gomide LMP, Batista MP, Píccolo PP, Teles TBG, Oliveira PM et al. Sintomas depressivos em acadêmicos de medicina da Universidade Federal de Goiás: um estudo de prevalência. Rev. psiquiatr. Rio Gd. Sul 2008;30(2)124-30.

Oliveira EN. Prevalência de sintomas depressivos em estudantes de Medicina da Universidade Federal da Bahia [monografia]. Salvador: Universidade Federal da Bahia, 2013.

Beck AT, Steer RA. Beck Depression Inventory. Manual. San Antonio: Psychology Corporation, 1993.

Eurich RB, Kluthcovsky ACGC; Avaliação da qualidade de vida de acadêmicos de graduação em enfermagem do primeiro e quarto anos: influência das variáveis sócio demográficas. Rev. psiquiatr. Rio Gd. Sul 2008; 30:211-20.

Gutierrez DMD, Mynaio MCS. Papel da Mulher de Camadas Populares de Manaus na Produção de Cuidados da Saúde. Saúde Soc 2009; 18(4):707-20.

Souza L. Prevalência de sintomas depressivos, ansiosos e estresse em acadêmicos de medicina [tese]. São Paulo: Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo; 2010. 233p.

Scolaro LL, Bastiani D, Campesato-mella EA. Avaliação do uso de antidepressivos por estudantes de uma instituição de ensino superior. Arq. ciências saúde UNIPAR 2010; 14(3):189-96.

Quintero MA, Garcia CC, Jimenez VG, Ortiz TML. Caracterización de la depresión en jóvenes universitários. Univ. Psychol. Bogotá. Colômbia 2004; 3(1):17-26.

Coelho AT, Lorenzini LM, Suda EY, Rossini S, Reimão R. Qualidade de sono, depressão e ansiedade em universitários dos últimos semestres de cursos da área da saúde. Neurobiologia. 2010; 73(1):35-9.

Werner MEC, Siqueira MFC, Lemes AG. Consumo alcoólico entre universitários: vamos discutir essa ideia? Rev eletrônica Interdisciplin 2015; 13(1):42-48.

Farina M, Mengarda CF, Argimon IIL. Caracterização sociodemográfica de estudantes universitários com sintomas depressivos. Psicologia. PT 2012.

Brandtner M, Bardagi M. Sintomatologia de Depressão e Ansiedade em Estudantes de uma Universidade Privada do Rio Grande do Sul. Gerais 2009; 2(2):81–91.

SOUSA PAN. Transtornos psiquiátricos menores em universitários [monografia]. Barra do Garças: Universidade Federal de Mato Grosso, 2009.

Lima MCP, Domingues MS, Cerqueira ATAR. Prevalência e fatores de risco para transtornos mentais comuns entre estudantes de medicina. Rev. saúde pública 2006;40(6):1035-41.

Carvalho MB. Psiquiatria para a Enfermagem. São Paulo: Rideel; 2012.

Cavestro, J.M; Rocha, F.L. Prevalência de depressão entre estudantes universitários. J. bras. psiquiatr 2006;55(4):264-7.

Vasconcelos TC, Dias BRT, Andrade LR, Melo GF, Barbosa L, Souza E. Prevalência de sintomas de ansiedade e depressão em estudantes de medicina. Rev. bras. educ. méd 2015; 39(1):135-42.

Furegato ARF, Santos JLF, Silva EC. Depressão entre estudantes de enfermagem relacionada à auto- estima, à percepção da sua saúde e interesse por saúde mental. Rev latinoam enferm 2008; 16(2):198-204.

Sakae TM, Padão DL, Jornada LK. Sintomas depressivos em estudantes da área da saúde em uma Universidade no Sul de Santa Catarina – UNISUL. Rev. AMRIGS 2010; 54(1):38-43.

Merrit RK, Price JR, Mollison J, Geddes JR. A cluster randomized controlled trial to assess the effectiveness of an intervention to educate students about depression. Psychol. med 2007; 37(3):363-72.

Downloads

Publicado

09/12/2016

Como Citar

Mesquita, A. M., Lemes, A. G., Carrijo, M. V. N., Moura, A. A. M. de, Couto, D. S., Rocha, E. M. da, & Volpato, R. J. (2016). Depressão entre estudantes de cursos da área da saúde de uma universidade em Mato Grosso / Depression among students of health courses at a university in Mato Grosso / Depresión entre estudiantes de cursos del área de la salud de una universidad en. Journal Health NPEPS, 1(2). https://doi.org/10.30681/25261010

Edição

Seção

Artigo Original/ Original Article/ Artículo Originale

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)