O GUARANI: UMA CONSTRUÇÃO ALENCARIANA DO IDEAL NACIONAL

Autores

  • Caio Derllan Ribeiro Figueiredo Universidade Estadual de Feira de Santana
  • Marcos Botelho

Resumo

Esse artigo busca discutir a construção da identidade nacional na obra O Guarani (1857), de José de Alencar, partindo de uma perspectiva analítica sobre o início da criação da nacionalidade trazida pelo Romantismo no século XIX e o conceito de identidade discutido por Stuart Hall, além do desenvolvimento do mito nacional abordado por Renato Ortiz.

Palavras-chave: Identidade. Mito. Nação. Alencar

Biografia do Autor

Caio Derllan Ribeiro Figueiredo, Universidade Estadual de Feira de Santana

Caio Derllan Ribeiro Figueiredo é estudante de Letras Vernáculas na Universidade Estadual de Feira de Santana, desenvolve pesquisas na área de cinema e literatura., trabalha como professor em uma escola municipal de Feira de Santana, ministrando aulas de Português, Redação e Artes.

Downloads

Publicado

25/01/2021

Como Citar

Ribeiro Figueiredo, C. D., & Botelho, M. (2021). O GUARANI: UMA CONSTRUÇÃO ALENCARIANA DO IDEAL NACIONAL. Revista De Estudos Acadêmicos De Letras, 13(2), 71–75. Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/reacl/article/view/4118