“ERA UMA VEZ CHAPEUZINHOS COLORIDOS ...”: UMA NOVA ABORDAGEM SOBRE O CONTO CLÁSSICO

Autores

  • Aline Hotz AMORIM
  • Fernanda Cristina Zimmermann DORNE
  • Mariane TREVISAN
  • Marielli ZANELLA
  • Yanez Manoela PERES
  • Cristiane SCHMIDT

DOI:

https://doi.org/10.30681/relva.v6i1.3773

Resumo

Este trabalho tem por intuito descrever parte de uma experiência com a disciplina de Prática de Ensino II, durante o terceiro ano da graduação do curso de Pedagogia da Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Tal projeto foi realizado nas dependências da escola municipal Atílio Destro no primeiro ciclo de alfabetização (1°, 2° e 3° anos do ensino fundamental I). Com o objetivo de ressaltar a importância do lúdico e do literário na prática escolar, viabilizamos um desafio: dinanimizar os conteúdos de forma criativa proporcionando a ludicidade na pratica de alfabetização nesta faixa etária. Após a reflexão teórico-prática, retornamos à escola com a seguinte metodologia: abordar o gênero textual contos clássicos, com uma temática diferenciada: a encenação. Neste sentido, elegemos alguns contos da obra literária intitulada “chapeuzinhos coloridos” de José Roberto Torero e Marcus Aurelius Pimenta (2010), procurando estabelecer relações e reflexões com o conto original “Chapeuzinho Vermelho” dos Irmãos Grimm. Mesmo que nosso contato tenha sido breve com as crianças, afirmamos que a contextualização dos conteúdos por parte dos alunos e dos professores foi enriquecida pelo lúdico com o literário. Acreditamos que o caminho escolhido por cada professor decorre de sua perspectiva de entender a realidade e considerar, sobretudo, o público infantil com suas diversidades e especificidades.  
 
Palavras-chave: Prática docente; Lúdico; Conto clássico e Conto adaptado.

Referências

CASCAVEL. Secretaria Municipal de Educação. Currículo para Rede Pública Municipal de Ensino de Cascavel. v. II. Cascavel, PR: 2008.

FABBRINI, R. N.; MIRABETE, J. F. Manual de Direito Penal. 25ª. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

FAGUNDES, Lea. O professor deve tornar-se um construtor de inovações – entrevista Midiativa, 2007.

MIGUEZ, Fátima. Nas arte-manhas do imaginário infantil. 14. Ed. Rio de Janeiro: Zeus, 2000.

PIMENTA. M.A.; TORERO, J. R. Chapeuzinhos Coloridos. Ilustrações: Marilia Pirillo. – São Paulo: Companhia das Letrinhas, 2017. RODRIGUES, Edvânia Braz Teixeira. Cultura, arte e contação de histórias. Goiânia, 2005.

Recebido em: 4 de maio de 2019

Aprovado em: 20 de junho de 2019

Downloads

Publicado

03/07/2019

Como Citar

AMORIM, A. H., DORNE, F. C. Z., TREVISAN, M., ZANELLA, M., PERES, Y. M., & SCHMIDT, C. (2019). “ERA UMA VEZ CHAPEUZINHOS COLORIDOS .”: UMA NOVA ABORDAGEM SOBRE O CONTO CLÁSSICO. Revista De Educação Do Vale Do Arinos - RELVA, 6(1), 153–164. https://doi.org/10.30681/relva.v6i1.3773

Edição

Seção

DOSSIÊ TEMÁTICO