O LEITOR ENTRE A CHINELA E A CARTOMANTE

Autores

  • DANIELE RIBEIRO FORTUNA UNIGRANRIO

Resumo

Este artigo trata do papel do leitor no texto. Busca definir quem é esse leitor e como identificá-lo. Em seguida, apresenta noções do que são o leitor implícito e o leitor-modelo, estabelecendo ainda diferenças entre o texto aberto e o texto fechado. Por fim, aplica tais noções a dois contos de Machado de Assis – “A chinela turca” e “A cartomante”.

Referências

ASSIS, Machado de. A chinela turca. Papéis avulsos. Rio de Janeiro: Garnier, 1989.

______. A Cartomante. Várias histórias. São Paulo: Ática, 1998. ECO, Umberto. Lector in fabula. São Paulo: Perspectiva, 1986.

______. Seis passeios pelos bosques da ficção. São Paulo: Companhia das Letras, 1999.

ISER, Wolfgang. O ato da leitura, vol. I. São Paulo: Editora 34, 1996.

Downloads

Publicado

06/12/2012

Como Citar

FORTUNA, D. R. (2012). O LEITOR ENTRE A CHINELA E A CARTOMANTE. Revista Alere, 6(2), 15. Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/alere/article/view/510

Edição

Seção

ARTIGOS