INUSITADOS SUICIDAS

Autores

  • ELIANE CRISTINA CHIEREGATTO
  • WALNICE VILALVA

Palavras-chave:

Suicídio. Romance. Vida, Dignidade. Ana Paula Maia.

Resumo

Não é novidade que a ficcionalização da
morte está presente na extensa tradição literária. Seja
natural, acidental, criminosa ou voluntária, ela permeia
narrativas que intentam condensar a perspectiva de
lançar um olhar crítico sobre a vida. É isso também que
observamos no romance De Gados e homens da escritora
brasileira Ana Paula Maia. Ao explorar o suicídio

coletivo de animais paramentado num contexto de
miserabilidade, exploração, submissão, desagregação de
laços sociais, a morte coletiva traslada o valor alegórico
através do qual problematizamos, neste trabalho, a
justificabilidade moral do suicídio frente a condições
indignas de vida.

Downloads

Publicado

16/10/2021

Como Citar

CHIEREGATTO, E. C., & VILALVA, W. (2021). INUSITADOS SUICIDAS. Revista Alere, 22(2), 177–194. Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/alere/article/view/5895

Edição

Seção

ARTIGOS