O PAPEL DA UNIVERSIDADE NO ENSINO DE HISTÓRIA INDÍGENA: UMA ANÁLISE DOS CURSOS DE HISTÓRIA EM SANTA CATARINA

Autores

  • Luisa Tombini WITTMAN
  • Stefani DIAS
  • Kerollainy Rosa SCHÜTZ
  • Rodrigo Ferreira dos REIS

Resumo

O presente artigo é resultante de um projeto de pesquisa, intitulado Ensino de História Indígena: realidade, desafios e possibilidades, que tem como objetivo investigar o ensino da temática indígena nos cursos de História das Instituições de Ensino Superior do Estado de Santa Catarina. O intuito é compreender como a história indígena tem sido trabalhada, posto que a Lei Federal 11.645/08 tornou obrigatório o seu ensino nas escolas brasileiras, sendo responsabilidade das IES formar profissionais que atuarão na Educação Básica. A análise a seguir se centrará sobretudo nos planos de ensino dos professores da disciplina História Indígena (e afins) de seis universidades catarinenses, a saber: UFSC, UDESC, UFFS, UNISUL, UNESC, FURB.

Downloads

Publicado

04/12/2018

Como Citar

WITTMAN, L. T., DIAS, S., SCHÜTZ, K. R., & REIS, R. F. dos. (2018). O PAPEL DA UNIVERSIDADE NO ENSINO DE HISTÓRIA INDÍGENA: UMA ANÁLISE DOS CURSOS DE HISTÓRIA EM SANTA CATARINA. História E Diversidade, 10(1), 152–165. Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/historiaediversidade/article/view/3235