Contribuições de um programa educativo na prevenção de lesões nos pés de pessoas com diabetes mellitus/ Contributions of an educational program in the prevention of foot injuries in people with diabetes mellitus/ Contribuciones de un programa educativo en la prevención de las lesiones del pie en personas con diabetes mellitus

Autores

Palavras-chave:

Pé Diabético, Educação em Saúde, Exercício Físico, Cuidados de Enfermagem

Resumo

Objetivo: avaliar as contribuições de um programa educativo na prevenção de lesões nos pés em pessoas com diabetes mellitus tipo 2. Método: estudo de intervenção com abordagem quantitativa para a análise de resultados do tipo “antes e depois”, referente a um programa educativo centrado no autocuidado e no treinamento físico concorrente, em um grupo único de comparação. As intervenções consistiram de 42 sessões de exercícios, além de encontros educativos individuais, de acordo com as necessidades de cada participante e por meio de consultas de enfermagem, utilizando material educativo elaborado a partir da literatura, durante o período de seis meses. Foram avaliados o autocuidado com os pés e calçados, as condições dermatológicas, circulatórias, estruturais e sensoriais dos pés, antes e após o programa educativo. Resultados: observou-se melhora no uso de meias e calçados adequados, no ressecamento da pele e na palpação dos pulsos pedioso e tibial posterior, com predomínio do grau zero na classificação de risco. Conclusão: o programa educativo se mostrou benéfico na redução do risco para o pé diabético, o que reitera a necessidade de proporcionar intervenções dessa natureza às pessoas com diabetes mellitus.

Biografia do Autor

Lilian Cristiane Gomes, Centro Universitário da Fundação Educacional Guaxupé (UNIFEG). Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Enfermeira. Doutora em Ciências. Professora e Coordenadora do Curso de Graduação em Enfermagem do UNIFEG. Membro do Grupo de Estudos sobre Obesidade, Diabetes e Hipertensão (GEODIH). Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Nathália Martins de Moraes, Life Medical Group (LMG). Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Graduada em Enfermagem pelo UNIFEG. Enfermeira consultora da Life Medical Group (LMG), Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Gislaine Faustino Pereira de Souza, UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Graduanda de Enfermagem do UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Fernando Inocêncio de Brito, Colégio Dom Inácio de Educação Básica. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Graduado em Educação Física pelo UNIFEG. Professor de Educação Física no Colégio Dom Inácio de Educação Básica. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Maurício Eduardo Antônio Júnior, UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Graduado em Educação Física pelo UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Alinson Eduardo Cipriano, UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Graduado em Educação Física pelo UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Tiago Marques de Rezende, UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Educardor Físico. Doutor em Educação Física. Professor do Curso de Graduação em Educação Física do UNIFEG. Membro do GEODIH. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Autran José da Silva Júnior, UNIFEG. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Educador Físico. Doutor em Ciências da Motricidade. Professor e Coordenador do Curso de Graduação em Educação Física do UNIFEG. Membro do GEODIH. Guaxupé, Minas Gerais, Brasil.

Referências

International Diabetes Federation. IDF Diabetes Atlas. 9th ed. [place unknown]: IDF; 2019.

Mishra SC, Chhatbar KC, Kashikar A, Mehndiratta A. Diabetic foot. BMJ. 2017; 359 Supp 1:1-7.

Zhang P, Lu J, Jing Y, Tang S, Zhu D, Bi Y. Global epidemiology of diabetic foot ulceration: a systematic review and meta-analysis. Ann med. 2017; 49(2):106-116.

Netten JJ, Bus AS, Apelqvist J, Lipsky BA, Hinchliffe RJ, et al. Definitions and criteria for diabetic foot disease. Diabetes Metab Res Rev. 2020; e3268.

Armstrong DG, Swerdlow MA, Armstrong AA, Conte MS, Padula WV, Bus AS. Five year mortality and direct costs of care for people with diabetic foot Complications are comparable to câncer [commentary]. J foot ankle res. 2020; 13(16):1-4.

Netten JJ, Raspovic A, Lavery LA, Monteiro-Soares M, Rasmussen A, et al. Prevention of foot ulcers in the at-risk patient with diabetes: a systematic Review. Diabetes Metab Res Rev. 2020; e3270.

International Diabetes Federation. IDF Clinical Practice Recommendations on the Diabetic Foot – 2017. Brussels: IDF; 2017. 70 p.

The International Working Group on the Diabetic Foot. IWGDF Guideline on diagnosis, prognosis and management of peripheral artery disease in patients with a foot ulcer and diabetes. [place unknown]: IWGDF Guidelines; 2019. 24 p.

Sociedade Brasileira de Diabetes. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes 2019-2020. São Paulo: Clannad; 2019. 491 p.

Gomes LC, Coelho ACM, Gomides DS, Foss-Freitas MC, Foss MC, Pace AE. Contribution of family social support to the metabolic control of people with diabetes mellitus: a randomized controlled clinical trial. Appl nurs res. 2017; (36):68-76.

Figueira ALG, Gomes-Villas Boas LC, Coelho ACM, Foss-Freitas MC, Pace AE. Intervenções educativas para o conhecimento da doença, adesão ao tratamento e controle do diabetes mellitus. Rev Latino-Am Enferm. 2017; 25:e2863.

Torres HC, Pace AE, Chaves FF, Velasquez-Melendez G, Reis IA. Avaliação dos efeitos de um programa educativo em diabetes: ensaio clínico randomizado. Rev Saúde Pública. 2018; 52:8.

Santos WP. Enfoques metodológicos utilizados en intervenciones educativas dirigidas a personas com diabetes mellitus. Enferm actual Costa Rica (Online). 2020; (38):260-271.

American Association of Diabetes Educators. An Effective Model of Diabetes Care and Education. Diabetes educ. 2020; 46(2):139-160.

Silva Júnior AJ, Gomes LC. Effects of an educational program focused on self-care and concurrent physical training on glycemia and drug treatment of patients with diabetes mellitus. Diabetes Updates. 2019; 2(1):1-7.

Silva Júnior AJ, Brito FI, Gomes LC. Cardiovascular parameters of people with diabetes mellitus: an intervention study. Curr Res Diabetes Obes J. 2019; 10(4):1-6.

Scain SF, Franzen E, Hirakata VN. Riscos associados à mortalidade em pacientes atendidos em um programa de prevenção do pé diabético. Rev Gaúcha Enferm. 2018; 39:e20170230.

Kaya Z, Karaca A. Evaluation of Nurses’ Knowledge Levels of Diabetic Foot Care Management. Nurs Res Pract. 2018; 2018: 8549567.

Novais MDA, Spaggiari TC, Pace AE, Gomes LC. Self-care practices with the feet of patients with diabetes mellitus in outpatient follow-up. Int J Diabetes Endocrinol. 2019; 2(1):106-111.

Vieira GLC, Cecílio SG, Torres HC. A percepção dos usuários com diabetes sobre a estratégia de educação em grupos na promoção do autocuidado. Esc Anna Nery. 2017; 21(1):e0017.

Rosa LM, Locks MOH, Brehmer LCF, Canever BP, Manfrini GC, Caurio EP. Avaliação dos pés em pessoas com diabetes mellitus hospitalizadas. Rev Enferm Atual In Derme. 2020; 92(30):219-225.

Santos ICRV, Carvalho EF, Souza WV, Albuquerque EC. Fatores associados a amputações por pé diabético. J Vasc Bras. 2015; 14(1):37-45.

Piza LF, Eleotério BD, Gomes LC. Avaliação dos pés de idosos com diabetes mellitus: estudo descritivo. Enferm Bras. 2018; 17(3):245-52.

Gomes LC, Silva Júnior AJ. Fatores favoráveis ao pé diabético em usuários de uma unidade de atenção primária à saúde. RAS. 2018; 16(57):5-12.

Lucoveis MLS, Gamba MA, Paula MAB, Morita ABPS. Grau de risco para úlceras nos pés por diabetes: avaliação de enfermagem. Rev Bras Enferm. 2018; 71(6):3217-3223.

Fernandes FCGM, Santos EGO, Morais JFG, Medeiros LMF, Barbosa IR. O cuidado com os pés e a prevenção da úlcera em pacientes diabéticos no Brasil. Cad Saúde Colet. 2020; 28(2):302-310.

Policarpo NS, Moura JRA, Melo Júnior EB, Almeida PC, Macêdo SF, Silva ARV. Conhecimento, atitudes e práticas de medidas preventivas sobre pé diabético. Rev Gaúcha Enferm. 2014; 35(3):36-42.

Carlesso GP, Gonçalves MHB, Moreschi Júnior D. Avaliação do conhecimento de pacientes diabéticos sobre medidas preventivas do pé diabético em Maringá (PR). J Vasc Bras. 2017; 16(2):113-118.

Oliveira Neto M, Pereira MS, Pinto MAH, Agostinho LM, Reinaldo Júnior FE, Hissa MN. Avaliação do autocuidado para a prevenção do pé diabético e exame clínico dos pés em um centro de referência em diabetes mellitus. J Health Biol Sci. 2017; 5(3):265-271.

Veras VS, Brandão MGSA, Queiroga ACF, Pinheiro DMCS, Menezes LCG, Araújo TM. Dermatological modifications in the feet of people with diabetes mellitus that are being monitored in primary care. J Nurs Health Sci. 2020; 6(1):9-17.

Polit DF, Beck CT. Fundamentos de pesquisa em enfermagem: avaliação de evidências para a prática da enfermagem. Porto Alegre: Artmed; 2019.

Moraes NM, Souza GFP, Brito FI, Antonio Júnior ME, Cipriano AE, Costa NSV, et al. Knowledge about diabetes mellitus and self-care activities before and after an educational program: a pilot study. OJN. 2020; (10):101-116.

Brasil, Ministério da Saúde. Sistema de Cadastramento e Acompanhamento de Hipertensos e Diabéticos - Minas Gerais, por município, 2014. [acesso 21 set. 2020]. Disponível em: http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/tabcgi.exe?hiperdia/cnv/hdmg.def

Qi Z, Na Y, Siying L, Hangping Z, Xiaona Q, Qian X, et al. Easier operation and similar power of 10 g monofilament test for screening diabetic peripheral neuropathy. J int med res. 2018; 46(8):3278–3284.

Martins MMFPS, Santos CSVB, Gomes BP, Ribeiro OMPL, Rodrigues CM, Ventura-Silva JMA. Construção de um instrumento de avaliação de meias para prevenção de quedas em pessoas idosas. J Health NPEPS. 2020; 5(2):195-212.

Smanioto FN, Haddad MCFL, Rossaneis MA. Self-care into the risk factors in diabetic foot ulceration: cross-sectional study. Online braz j nurs. 2014; 13(3):343-52.

Teston EF, Senteio JS, Ribeiro BMSS, Maran E, Marcon SS. Fatores de risco para ulceração no pé de indivíduos com diabetes mellitus tipo 2. Cogitare Enferm. 2017; 22(4):e51508.

Ohl RIB, Chavaglia SRR, Gomes JLGG, Freitas MAO, Gamba MA. Mapa de Conversação como estratégia de ensino como desenvolvimento do autocuidado em diabetes mellitus. Enferm Foco. 2019; 10(2):110-117.

Thomazelli FCS, Machado CB, Dolçan KL. Análise do risco de pé diabético em um ambulatório interdisciplinar de diabetes. Rev AMRIGS. 2015; 59(1):10-14.

Silva JMTS, Haddad MCFL, Rossaneis MA, Vannuchi MTO, Marcon SS. Fatores associados à ulceração nos pés de pessoas com diabetes mellitus residentes em área rural. Rev Gaúcha Enferm. 2017; 38(3):e68767.

Karada?a FY, Salto?lu N, Ak O, Aydin GǸ ?enbayrake S, Erol S, et al. Foot self-care in diabetes mellitus: evaluation of patient awareness. Prim Care Diab. 2019; 13(6):515-520.

Schaper SC, Netten JJ, Apelqvist J, Lipsky BA, Bakker K, on behalf of the International Working Group on the Diabetic Foot (IWGDF). Prevention and management of foot problems in diabetes: a Summary Guidance for Daily Practice 2015, based on the IWGDF Guidance Documents. Diabetes Metab Res Rev. 2016; 32(Suppl 1):7–15.

Bus SA, Netten JJ, Lavery LA, Monteiro-Soares M, Rasmussen A, Jubiz Y, et al. IWGDF guidance on the prevention of foot ulcers in at-risk patients with diabetes. Diabetes Metab Res Rev. 2016; 32(Suppl 1):16–24.

Tomasi E, Cesar MADC, Neves RG, Schmidt PRC, Thumé E, Silveira DS, et al. Diabetes care in Brazil: Program to Improve Primary Care Access and Quality-PMAQ. J Ambul Care Manage. 2017; 40(Suppl 2):S12-23.

Gomes LCM, Oliveira SKP, Moura DJM, Araújo ESS, Guedes MVC. Foot self-care positive behavior in adults with diabetes following an educational intervention. Int J Diabetol Vasc Dis Res. 2020; 8(1):261-265.

Ochoa-Vigo K, Pace AE. Prevenção de complicações nos pés de pessoas com diabetes mellitus: proposta de cuidado. Rev Med Hered. 2009; 20(2):77-88.

Batista JMF, Teixeira CRS, Becker TAC, Zanetti ML, Istilli PT, Pace AE. Conhecimento e atividades de autocuidado de pessoas com diabetes mellitus submetidas a apoio telefônico. Rev Eletr Enf. 2017; 19:a36.

Rossaneis MA, Haddad MCFL, Mathias TAF, Marcon SS. Diferenças entre mulheres e homens diabéticos no autocuidado com os pés e estilo de vida. Rev Latino-Am Enferm. 2016; 24:e2761.

Menezes LCG, Guedes MVC, Moura NS, Oliveira RM, Vieira LA, Barros AA. Estratégias educativas para pessoas diabéticas com pé em risco neuropático: síntese de boas evidências. Rev Eletr Enf. 2016; 18:e1197.

Mendes GF, Rezende ALG, Dullius J, Nogueira JAD. Barreiras e facilitadores da adesão a um programa de educação em diabetes: a visão do usuário. Rev Bras Ativ Fís Saúde. 2017; 22(3):278-289.

Foss NT, Polon DP, Takada MH, Foss-Freitas MC, Foss MC. Dermatoses em pacientes com diabetes mellitus. Rev Saúde Pública. 2005; 39(4):677-682.

Pedrosa HC, Vilar L, Boulton AJM. Neuropatias e pé diabético. São Paulo: AC Farmacêutica; 2014.

Silva PS, Vieira CSA, Gomes LMX, Barbosa TLA. Grau de risco do pé diabético na atenção primária à saúde. Rev Enferm UFSM. 2020; 10(e78):1-16.

Downloads

Publicado

29/05/2021

Como Citar

Gomes, L. C., Moraes, N. M. de, Souza, G. F. P. de, Brito, F. I. de, Antônio Júnior, M. E., Cipriano, A. E., Rezende, T. M. de, & Silva Júnior, A. J. da. (2021). Contribuições de um programa educativo na prevenção de lesões nos pés de pessoas com diabetes mellitus/ Contributions of an educational program in the prevention of foot injuries in people with diabetes mellitus/ Contribuciones de un programa educativo en la prevención de las lesiones del pie en personas con diabetes mellitus. Journal Health NPEPS, 6(1). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/jhnpeps/article/view/5102

Edição

Seção

Artigo Original/ Original Article/ Artículo Originale