Maracatu Encanto da Alegria: a economia criativa e o desenvolvimento local da Bomba do Hemetério no Recife-PE.

Autores

  • João Gabriel Silva Brito Universidade Federal Rural de Pernambuco

DOI:

https://doi.org/10.30681/rccs.v1i02.352

Palavras-chave:

Maracatu Encanto da alegria, economia criativa, desenvolvimento local, Bombando Cidadania.

Resumo

O objetivo deste artigo é mostrar a contribuição do programa Bombando Cidadania do grupo Walmart na Bomba do Hemetério, zona norte do Recife. Sendo assim, o Maracatu Encanto da Alegria foi escolhido por diversas características que o mesmo possui, tais como: estar localizado nas comunidades que são contemplados pelo bombando, estar articulado como economia criativa e ter participação do local inserido. Assim, após conhecer o grupo e a comunidade, foram sendo ponderados o que o bombando trouxe para essas comunidades via grupos. A metodologia utilizada nesse artigo foi à qualitativa, com o método de estudo de caso, além do método etnográfico que designa essencialmente os procedimentos de observação direta.

Biografia do Autor

João Gabriel Silva Brito, Universidade Federal Rural de Pernambuco

Pós-Graduado em Gestão em Comunicação Empresarial na Faculdade Frassinette do Recife - FAFIRE (2013.1). Graduação em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (2011.2). Tem experiência na área de Comunicação, atuando principalmente nos temas Folkcomunicação, Desenvolvimento Local, Inovação e Tecnologia da Informação.

Downloads

Publicado

28/05/2015

Como Citar

Silva Brito, J. G. (2015). Maracatu Encanto da Alegria: a economia criativa e o desenvolvimento local da Bomba do Hemetério no Recife-PE. Revista Comunicação, Cultura E Sociedade, 2(02). https://doi.org/10.30681/rccs.v1i02.352