Jornalismo e Meio ambiente: O silenciamento e a resistência nas páginas dos jornais

Autores

  • LUCIANA PEREIRA DA SILVA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO - IFPE - CAMPUS RECIFE
  • Isaltina Maria de Azevedo de Mello Gomes UFPE

DOI:

https://doi.org/10.30681/rccs.v7i2.5221

Palavras-chave:

Jornalismo, meio ambiente, Silenciamento e Resistência, Complexo Industrial Portuário de Suape (CIPS)

Resumo

Este artigo discute como o silencimento e a resistência estão presentes nas notícias que tratam dos problemas e questões ambientais que poderiam ser atribuídos às atividades do Complexo Industrial Portuário de Suape (CIPS). O corpus deste trabalho é constituido por duas notícias publicadas no Jornal da Cidade, no ano de 1975, época das ações de planejamento do Complexo. O aporte teórico-metodológico vem da Análise do discurso (AD) de linha francesa, principalmente, do conceito de silêncio e silenciamento de Eni Orlandi (2007). A análise do corpus revelou que os discursos sobre o CIPS foram silenciados porque o Complexo foi idealizado como o ‘salvador’ da economia de Pernambuco e o Jornal da Cidade se configurou como um lócus de resistência.

Biografia do Autor

LUCIANA PEREIRA DA SILVA, INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO - IFPE - CAMPUS RECIFE

Doutorado em Comunicação pela Universidade Federal de Pernambuco - UFPE; Mestra em Ciências da Linguagem pela Universidade Católica de Pernambuco - Unicap; Graduada em comunicação Social - Hab. em Relações Públicas pela Universidade Católica de Pernambuco - Unicap. Professora concursada para a área da Comunicação do IFPE - campus Recife. Lecionando nos cursos de Turismo, Designer e na Especialização em Meio Ambiente e Cultura.

Isaltina Maria de Azevedo de Mello Gomes, UFPE

Doutora em Linguística pela Universidade Federal de Pernambuco - UFPE; Professora do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Pernambuco - UFPE.

Referências

CIENTISTAS lançam manifesto contra o complexo de Suape. Jornal da Cidade, a. 2, n. 24, 06 a 12 abr. 1975a.

COURTINE, J. Análise do Discurso Político: O discurso comunista endereçado aos cristãos. 1ª reimpressão. EdUFSCar. São Paulo: 2014.

identificação com o ser paraguaio. Revista SIGNUM: Estudos Linguísticos. Londrina, v. 19, n. 2, p. 80-103, dez. 2016. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/signum/article/view/25109

DRYZEK, J. S. The politics of the Earth: environmental discourses. United Kingdom: Press in the University Oxford, 2013

ENFIM, um debate sobre Suape. Jornal da Cidade. a. 2, n. 29, 11 a 17 de maio de 1975.

FOUCAULT, M. A arqueologia do saber. 8ª ed. Tradução Luiz Felipe Baeta Neves. Editora Forense. Rio de Janeiro, 2017.

FRANCISCATO, C. E. “Limites teóricos e metodológicos nos estudos sobre a noticiabilidade”. In: SILVA, Gislene et al. (orgs.). Critérios de noticiabilidade: problemas conceituais e aplicações. Florianópolis: Insular, 2014.

HALL, S. et al. “A produção social das notícias: o mugging nos media”. In:

ORLANDI, E. P. As formas do silêncio: nos movimentos dos sentidos. 2. ed. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2007.

PÊCHEUX, M. “Análise automática do discurso”. In: GADET, Françoise; HAK, Tony. Por uma análise automática do discurso: uma introdução à obra de Michel Pêcheux. Trad. Betânia S. Mariani et al. 5ª ed. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2014.

PÊCHEUX, M. Semântica e Discurso: uma crítica à afirmação do óbvio. Tradução Eni Puccinelli Orlandi, Lourenço Chacon Jurado Filho. Manoel Luiz Gonçalves Corrêa, Silvana Mabel Serrani, 5ª ed. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2014.

PORTO-GONÇALVES, C. W. A globalização da natureza e a natureza da globalização. 5. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2013.

SANTOS, M. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 19. ed. Rio de Janeiro: Record, 2000.

____________. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal. 19. ed. Rio de Janeiro: Record, 2010.

SOUZA, M. Â. de A. Expansão dos Espaços de Pobreza no contexto do desenvolvimento da região de Suape: Deslocamentos populacionais atraídos pelos empregos diretos e indiretos. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 18., 2012, Águas de Lindóia. Anais [...]. Águas de Lindóia: ABEP, 2012. Disponível em: http://www.abep.org.br/publicacoes/index.php/anais/article/view/2052/2011. Acesso em: 03 fev. 2019

SUAPE extinguirá miséria, diz Hélcias. Diario de Pernambuco, Pernambuco, 08 maio 1975, capa.

TRAQUINA, Nelson (org.) Jornalismo: questões, teorias e “estórias”. Florianópolis: Insular, 2016.

TUCHMAN, G. A objetividade como ritual estratégico: uma análise da noção de objetividade dos jornalistas. In: TRAQUINA, Nelson (org.) Jornalismo: questões, teorias e “estórias”. Florianópolis: Insular, 2016.

Downloads

Publicado

03/06/2021

Como Citar

DA SILVA, L. P., & Gomes, I. M. de A. de M. (2021). Jornalismo e Meio ambiente: O silenciamento e a resistência nas páginas dos jornais. Revista Comunicação, Cultura E Sociedade, 7(2), 003–018. https://doi.org/10.30681/rccs.v7i2.5221