Análise do engajamento no trabalho em agentes comunitários de saúde no período pré-pandêmico/ Analysis of work engagement in community health agents in the pre-pandemic period/ Análisis del compromiso laboral entre los trabajadores de salud comunitarios en el período prepandémico

Autores

Palavras-chave:

Agentes Comunitários de Saúde, Engajamento no Trabalho, Atenção Primária à Saúde

Resumo

Objetivo: avaliar os níveis de engajamento no trabalho em agentes comunitários de saúde, no período pré-pandêmico. Método: estudo transversal, realizado em 2017, com 85 agentes comunitários de saúde, utilizando-se a Utrech Work Engagement Scale (UWES), composta por dezessete itens de autoavaliação e três dimensões: vigor, dedicação e absorção. Os escores foram calculados conforme modelo estatístico proposto no Manual Preliminar UWES. Resultados: os níveis de engajamento no trabalho variaram de 3,27 a 3,48, classificados como médios. Profissionais que nunca pensaram em desistir da profissão e aqueles que se referiram satisfeitos com a profissão apresentaram escores altos nas dimensões Vigor (4,61±1,12 e 4,10±1,25) e Dedicação (4,21±1,21 e 4,09±1,15). Conclusão: os resultados evidenciaram a presença de situações de risco que podem interferir no desempenho laboral dos agentes comunitários de saúde. Ao quantificar os níveis de vigor, dedicação e absorção, o engajamento no trabalho torna-se um constructo importante para a avaliação das relações laborais dos profissionais com o trabalho, reforçando a necessidade e a importância de implementação de ações de valorização profissional.

Referências

Faria FRC, Lourenção LG, Silva AG, Sodré PC, Castro JR, Borges MA, et al. Occupational stress, work engagement and coping strategies in Community Health Workers. Rev Rene. 2021; 22:e70815.

Lourenção LGL, Back CR, Santos CB, Sousa CP. Qualidade de vida de agentes comunitários de saúde de um município do interior do Estado de São Paulo. Arq Ciênc Saúde. 2012; 19(1):19-27.

Santos AC, Hoppe AS, Krug SBF. Agente Comunitário de Saúde: implicações dos custos humanos laborais na saúde do trabalhador. Physis. 2018; 28(4):e280403.

Rotta DS, Lourenção LG, Gonsalez EG, Teixeira PR, Gazetta CE, Pinto MH. Engagement of multi-pro¬fessional residents in health. Rev Esc Enferm USP. 2019; 53:e03437.

Porto-Martins PC, Basso-Machado PG, Benevides-Pereira AMT. Engagement no trabalho: uma discussão teórica. Fractal Rev Psicol. 2013; 25(3):629-44.

Bakker AB, Albrecht SL. Work engagement: current trends. Career Dev Int. 2018; 23(1):4-11.

Bhuvanaiah T, Raya RP. Predicting Employee Work Engagement Levels, Determinants and Performance Outcome: Empirical Validation in the Context of an Information Technology Organization. Bus.Rev. 2016;1 7(4):934-951.

São José do Rio Preto. Secretaria Municipal de Saúde. Painel de Monitoramento 2018 – Indicadores de 2017. 2018 [acesso em 2020 jul 10]. Disponível em: http://saude.riopreto.sp.gov.br/transparencia/arqu/painmoni/painel-monitoramento-2018.pdf.

Vazquez ACS, Magnan ES, Pacico JC, Hutz CS, Schaufeli WB. Adaptation and Validation of the Brazilian Version of the Utrecht Work Engagement Scale. Psico-USF. 2015; 20(2):207-17.

Agnst R, Benevides-Pereira AMT, Porto-Martins PC. Utrecht Work Engagement Scale. Curitiba: GEPEB; 2009.

Almeida MCS, Baptista PCP, Silva A. Workloads and strain process in Community Health Agents. Rev Esc Enferm USP. 2016; 50(1):93-100.

Nascimento VF, Terças ACP, Hattori TY, Graça BC, Cabral JF, Gleriano JS, et al. Dificuldades apontadas pelo agente comunitário de saúde na realização do seu trabalho. Saúde (Santa Maria). 2017; 43(1):60-62.

Teixeira PR, Lourenção LG, Gazetta CE, Gonsalez EG, Rotta DS, Pinto MH, et al. Engagement no trabalho em residentes médicos de pediatria. Rev bras educ med. 2017; 41(1):126-33.

Gonsalez EG, Lourenção LG, Teixeira PR, Rotta DS, Gazetta CE, Beretta D, et al. Work engagement in employees at professional improvement programs in health. Cad Bras Ter Ocup. 2017; 25(3):509-517.

Silva MA, Lampert SS, Bandeira DR, Bosa AC, Barroso SM. Saúde emocional de agentes comunitários: Burnout, estresse, bem-estar e qualidade de vida. Rev SAGESP. 2017; 18(1):20-33.

Moraes MM. Os impactos da pandemia para o trabalhador e suas relações com o trabalho. Porto Alegre: Artmed; 2020.

Luna Filha DOM, Magalhães BC, Silva MMO, Albuquerque GA. Cuidamos dos outros, mas quem cuida de nós? Vulnerabilidades e implicações da COVID-19 na enfermagem. Enferm Foco. 2020; 11(Esp.1):135-140.

Castro TA, Davoglio RS, Nascimento AAJ, Santos KJS, Coelho GMP, Lima KSB. Agentes Comunitários de Saúde: perfil sociodemográfico, emprego e satisfação com o trabalho em um município do semiárido baiano. Cad súde colet. 2017; 25(3):294-301.

Esteves GGL, Leão AAM, Alves EO. Fadiga e Estresse como preditores do Burnout em Profissionais da Saúde. Rev Psicol Organ Trab. 2019; 19(3):695-702.

Santos AMVS, Lima CA, Messias RB, Costa FM, Brito MFSF. Transtornos mentais comuns: prevalência e fatores associados entre agentes comunitários de saúde. Cad saúde colet. 2017;25(2):160-168.

Camões MRS, Gomes AO. Engajamento no Trabalho: Conceitos, Teorias e Agenda de Pesquisa para o Setor Público. Adm Púb Gest Social. 2021; 13(3):10572.

Jackson Filho JM. Engajamento no trabalho, impedimentos organizacionais e adoecer: a contribuição da Ergonomia da Atividade no setor público brasileiro. Rev bras saúde ocup. 2015; 40(131):98-108.

Cordioli DFC, Cordioli Jr JR, Gazzeta CE, Silva AG, Lourenção LG. Occupational stress and work engagement in primary health care workers. Rev Bras Enferm. 2019; 72(6):1580-7.

Silva M, Queirós C, Cameira M, Vara N, Galvão A. Burnout e Engagement em profissionais de saúde do interior: norte de Portugal. Psic Saúde Doenças. 2015; 16(3):286-99.

Lourenção LG, Silva AG, Borges MA. Levels of engagement in primary health care professionals: a comparative study in two Brazilian municipalities. Esc Anna Nery. 2019; 23(3):e20190005.

Downloads

Publicado

01/12/2021

Como Citar

Garcia Lourenção, L., Guimarães Ximenes Neto, F. R., Gomes da Silva, A., Andrade Borges, M., & Eli Gazetta, C. (2021). Análise do engajamento no trabalho em agentes comunitários de saúde no período pré-pandêmico/ Analysis of work engagement in community health agents in the pre-pandemic period/ Análisis del compromiso laboral entre los trabajadores de salud comunitarios en el período prepandémico. Journal Health NPEPS, 6(2). Recuperado de https://periodicos.unemat.br/index.php/jhnpeps/article/view/6012

Edição

Seção

Artigo Original/ Original Article/ Artículo Originale